Skip to content

Apresentação

Pioneiro no sistema agroecológico em Porto Alegre

 

Juca plantando mudas de moranguinho entre as alfaces

Juca plantando mudas de moranguinho entre as alfaces

O produtor rural Eliseu Rosa da Silva, mais conhecido como tio Juca, 67 anos de idade,   adotou a agroecologia há 15 anos: “É uma pena  não ter  começado antes”. Mas acredita que nunca é tarde para começar. E hoje é exemplo de agricultor que mostra como é possível produzir alimentos sem agrotóxicos ou adubos químicos.

Juca, que é agricultor desde criança, conta que não usavam venenos nas plantações. Somente a partir do final dos anos 60 é que começou a se usar agrotóxicos e adubos químicos. “Quem não usava, não colhia nada. Só depois foi crescendo a consciência que eu estava contaminando o ambiente, a mim próprio, a família e o consumidor também”.

A mudança difícil

A fase da transição para quem quer entrar no sistema orgânico não é fácil, exige muito apoio e persistência. Então através da Emater, recebeu a assistência técnica por dois anos, acompanhando toda a transição. “É muito difícil a mudança, pois quando se muda, o solo não responde. No mínimo se leva dois anos para o solo funcionar,” explicou.

Na época, ele foi o único agricultor a mudar para o sistema ecológico, hoje já são 40 famílias na zona sul de Porto Alegre.

Juca cultiva verduras, frutas e legumes numa área de 7.000m², equivale a um terço de hectar. “O que mais me ajuda é a biodiversidade. Se você olhar aqui, vai encontrar no mínimo 20 espécies de plantas na área em que eu trabalho. Considero a minha horta como um bufett de saladas.  No solo há milhares de microorganismos trabalhando, então eu tenho um consórcio com a natureza. Eu pratico e vivo a natureza.”

O importante é a qualidade

 

Na feira agroecológica da Redenção

Na feira agroecológica da Redenção

A comercialização dos alimentos produzidos no sítio são feitos na feira agroecológica da av. José Bonifácio no Bairro Bom Fim.  “Consumidor é o nosso melhor fiscal, pois a diferença está no sabor e na qualidade.” Se produzisse o dobro, ainda  teria mercado para vender tudo. “No sistema ecológico o que importa é a qualidade.” salientou.

Além disso, em torno de 30% da produção da propriedade é transformado em pastas, geléias, doces que são vendidos ou degustados pelos visitantes que chegam no sítio.

Turismo rural

 

Visitantes aprendem sobre agroecologia

Visitantes aprendem sobre agroecologia

A propriedade faz parte do destino turístico Caminhos Rurais e recebem visitas, principalmente das escolas de Porto Alegre. “É um trabalho que nós fazemos com muito gosto”. As crianças têm muita curiosidade em saber de onde vem as verduras e os legumes. Há também muitos estudantes de universidades que vão fazer pesquisas.

Para o tio Juca, todo o dia é um aprendizado. “Enquanto estamos em busca de melhoramento, se tem vontade de trabalhar. Por isso quero estar sempre aprendendo mais.”

 

Família reunida

Texto e fotografias de Simone Moro
simoneprisma@gmail.com
Anúncios
5 Comentários leave one →
  1. CARLOS EDUARDO permalink
    26/10/2009 12:06

    muito legal

  2. valdemar jaco von borstel permalink
    07/11/2009 7:07

    muito legal mesmo, se todos planta-se assim (sem veneno)muitas doenças poderiam ser evitadas.

  3. 05/09/2011 12:35

    Que trabalho interessante, ao acaso encontrei esse blog na internet e passei a ler suas postagens. Se existisse o o apoio e a iniciativa dos orgãos governamentais em outras regiões do nosso Brasil, a agricultura orgânica seria mais praticada. Nesse caso existiu o apoio da Emater a família do tio juca, o que é muito precário na maior parte do Brasil. Um lindo trabalho, parabéns!

  4. 01/03/2013 2:54

    Parabéns! Super legal….

  5. Mariza permalink
    06/03/2015 2:20

    Mariza
    5/3/2015 23:17

    Parabéns, Sr. Eliseu!
    Que Deus o abençoe e à tua família e que o senhor sirva de exemplo para os agricultores
    do Brasil !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: